Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  "Ekklésia Christiana" em Qua Mar 28, 2012 7:18 pm


Saudações cristãs,

Prezados...





Conforme nos é notório – não obstante opostos à compulsoriedade legal - primamos pela decência e ordem como diretrizes ou parâmetros, não apenas sob a otica organizacional-liturgica, mas, quanto ao "modus vivendi" apostolicamente prescrito.

Embora averso ao mosaicismo e sua escrupulosa observância, Paulo assevera acerca dos excessos comuns aos seus contemporâneos gentios [''pagãos'']. Deste modo, exorta às primitivas mulheres cristãs à sobriedade e comedimento (I Timóteo 2, 9-10). Semelhantemente Pedro (durante sua estada em Roma - I Pedro 5:13*) redige sua epístola universal e/ou geral admoestando-se à classe feminina no tocante ao seu porte e atributos (I Pedro 3:3).







Mulheres greco-romanas

vestimentas e acessórios



Em ambas as citações observa-se uma ênfase à espiritualidade e seus predicados, em detrimento da frivolidade exterior. Incorreríamos, porém, em despautério ao alegar que os presentes fragmentos proscrevam ou anatematizem o eventual uso deste ou daquele acessório. A posição doutrinário-teológica, contudo, é inconteste: o parecer apostólico antepõe-se a conjuntura socialmente em voga entre as massas greco-romanas (Efésios 4, 17-24 e similares).





Mulheres greco-romanas

(penteados e adereços)



Coincidentemente, a “ekklésia” nascente encontra-se historicamente situada num dos mais promissores períodos do processo expansionista romano. Novas aquisições territoriais, acúmulo de despojos, ampliação patrimonial, entre outros. Nesse opulento e abastado contexto desenvolvem-se as altas castas romanas e sua insana ostentação. Não apenas as alas senatoriais, militares e afins passam a acalentar um desmedido anelo pelos temporais deleites, mas - por extensão - toda a plebe.






Banquetes greco-romanos

Glutonarias, embriagues e dissolução


Os festins noturnos, regados a mosto e quase sempre encerrados à moda dionisíaca (orgias) requeriam uma impecável e estratégica apresentação pessoal. Daí, toda a sorte de aparatos e torpes extravagâncias.

O trato estético feminino greco-romano excedia-se sobremaneira.



Cabelos: perucas, adereços em materiais diversos, adornos metálicos e em pedrarias, cortes exóticos, tinturas e alisamentos.

Vestimentas: tecidos, tons, transparências, decotes.

Acessórios: pulseiras, braceletes, anéis, brincos, pendentes, gargantilhas, colares, tornozeleiras, etc.

Maquiagens: máscaras preparatórias, extrato de chumbo (empalidecimento), compostos vegetais (algas), cortiça queimada (sombras), etc.




Ao ser anexada como colônia romana (63 a.C.) Israel passa a nutrir uma acirrada aversão à cultura e práticas oriundas do Lácio**. Apesar disso, mulheres judias de maiores posses aderem (com menor intensidade) as mesmas. Inspeções de rotina quase sempre incluíam as esposas dos referidos superintendentes, causando-se considerável repulsa às hebréias mais solícitas.





idumentária feminina greco-romana

decotes e transparências


O ideal feminino judaico ateve-se, desde remotos dias, ao legado matriarcal e seu enaltecido despojamento (Sara, Raquel, Rebeca...). Em contrapartida, a faceira Jezabel consolida-se como o protótipo da mulher lasciva (II Reis 9, 30-33).



Congregação Cristã e apresentação pessoal: a Circular


Os dias atuais são calamitosos, em pouco diferindo daqueles vivenciados por nossos primitivos antecessores segundo a Fé comum. A generalizada banalização de valores ou princípios tem-nos exposto à gradual deturpação moral, condicionando-nos, desta feita, à secularização decrépita.

Assim sendo, deliberaram nossos Anciãos pela expedição de uma recente circular, abordando-se a temática elencada. Seu teor, eminentemente prático, adverte-nos quanto à retomada de nosso habitual decoro e modéstia, resgatando-se nossa já comprometida identidade ou “ethos”.

Sua redação e publicação remetem-nos a tópicos já emitidos, todavia, parcialmente negligenciados (Septuagésima Quinta Assembleia Geral – 2010 / tópico XIII).

A carta apresenta uma estrutura concisa ou pouco digressiva, discorrendo sobre a pauta de forma elucidativa e categórica. Paradoxalmente, faz-se respaldar pelo rigor e tolerância, de modo a incutir sem, contudo, excluir. Nesse particular, distingue-se consideravelmente do equivocado e legalista construto exegético proposto por Aldo Ferretti, o apóstata (década de 1950).

Sob a chancela administrativa central (Brás) a circular dispõe do aval de Anciãos de diversos Estados, o que a caracteriza como de abrangência ou aplicabilidade geograficamente irrestritas.

Sua leitura e explanação encontram-se sob a tutela presbiteral (Anciãos), sendo excepcionalmente franqueada ao corpo adjunto (cooperadores).

(sua apresentação deve anteceder ao início de nossa Assembleia Geral em sua septuagésima sétima edição)


Atenhamo-nos, pois, mulheres e homens, a sobriedade e comedimento.


__________________________
*"Babilônia" - designação alegórica para Roma e sua acentuada degradação. Parecer unanimemente acatado pela denominada Hermenêutica Integrada (Católica Romana / Ortodoxa Oriental / Protestante).
**Região da Península Itálica tendo Roma como sua capital. Dai, a expressão “latim” - língua do Lácio (“Latium”).






Atenciosamente,

“Em Caridade”

Irmão Ednelson


Última edição por "Ekklésia Christiana" em Sex Mar 30, 2012 11:39 pm, editado 3 vez(es)

"Ekklésia Christiana"

Mensagens: 497
Data de inscrição: 18/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  Sergio Teixeira em Qua Mar 28, 2012 10:06 pm

Se o bom senso imperasse totalmente em nosso meio, não seria necessário o Ministério fazer exortações especiais a respeito da natural modéstia que deve ser o nosso principal ornamento.
No entanto, ainda há varões que usam cabelos "da moda" (com desenhos) e varoas que usam e abusam de tinturas (azul, violeta, etc.), uso de adereços, saias curtas, e coisas afins.
Tenho notado que crianças - na faixa dos 5 a 10 anos - que moram em certas comunidades, também na igreja se vestem igualmente aos traficantes locais.
Como crianças não compram roupas, percebe-se que os pais ainda não se aperceberam do que seja realmente ser um cristão, especialmente da Congregação.

Sergio Teixeira

Mensagens: 1144
Data de inscrição: 12/05/2011
Localização: Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  BadMix em Qui Mar 29, 2012 7:42 am

Considero-me o mais inútil dos resgatados de Deus e pouco conheço das escrituras, apesar de nelas meditar e com insuficiente zelo estudar por muitas horas até ao presente momento, mas tenho de deixar aqui um desabafo:

"Faz isto, faz aquilo, não faças isto, não faças aquilo" - Sabem o que conseguimos obter com esta abordagem? 2 tipos de pessoas, o Presunçoso e o Deprimido.

Presunçoso: "Eu faço tudo aquilo que me dizem para fazer, e me afasto de tudo aquilo que me dizem para não fazer" <- mentiroso e auto-enganado
Deprimido: "Eu não consigo fazer o que me pedem, e faço coisas que sei que estão erradas" <- Deus tenha piedade daqueles que empurram pessoas para este estado

Isto é tão somente a religião no seu estado mais destruidor. Que Deus nos livre de tal fim.

Me perdoem, mas não consigo concordar com este tipo de abordagens, completamente anti-bíblicas e destruidoras de almas. Brás já parece Roma, e não tarda em vez de circulares começam a ser Bulas Papais.

Eu quero ouvir pregar a Jesus Cristo e sua obra redentora, não sobre como eu devo andar vestido. Quando o foco da Igreja não é o Senhor, tudo começa a ir mal e a demografia da Igreja nos dias de hoje indicam o quão afastados da Luz andamos, que nem as nossas igrejas conseguimos encher de almas.

BadMix

Mensagens: 141
Data de inscrição: 03/02/2012
Localização: Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  Sergio Teixeira em Qui Mar 29, 2012 10:33 am

Acho que o principal problema nem é tanto "o Brás" ficar "ditando" coisas para lá e para cá.
Boa parte do povo "se incomoda" com essa atitude, e realmente tem horas em que dá a nítida impressão que que algumas pessoas simplesmente não têm o que fazer.
A coisa piora à medida em que proliferam os espiritussantos "de corredor" e "de banheiro", cada qual fazendo novos acréscimos...
Aí aparecem doutrinas paralelas como: "Não se pode vestir nada vermelho", "o varão tem obrigatoriamente que usar bigode", e outras igualmente descabidas e que confundem não somente os mais novos no caminho, como também escandalizam àqueles que nos observam de fora.
Mas temos de convir que não se pode simplesmente deixar as coisas correrem de rédea solta; Tem de haver realmente alguma instrução por parte do Ministério e, como sempre repito - e repetirei enquanto estiver vivo - essas instruções têm de estar necessariamente ao alcance da membresia e não em forma reservada, praticamente "velada", escondida.
Não há razão para esse tipo de reserva, pelo contrário, ele é maléfico e destrutivo.
Aqueles ensinamentos antigos, devidamente publicados e colocados ao alcance da irmandade, deveriam ser lidos nas igrejas pelo menos duas vezes ao ano, conforme está determinado e escrito.
Havendo necessidade de adequação, seriam atualizados e republicados.
Se efetivamente o fossem - e mais claramente: se houvesse em todos nós obediência e humildade - muito provavelmente não haveria motivo para lançar "novos" ensinamentos.
Hoje em dia, aquele folheto é considerado mais como uma simples "relíquia histórica" do que como um "guia" tanto para o ministério quanto para a irmandade.

Sergio Teixeira

Mensagens: 1144
Data de inscrição: 12/05/2011
Localização: Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  "Ekklésia Christiana" em Qui Mar 29, 2012 11:56 am


Saudações cristãs,

Irmão BadMix, prezado...





Bem... etimológicamente falando, nada mais temos que "encíclicas". Não ao acaso, tais documentos recebem a designação oficial de "Cartas Circulares" (lat.: "Epistolae Encyclicae" / "Litterae Encyclicae"). Só não se podem classificar como "bulas" pelo fato de carecerem do tradicional selo ou lacre...

De qualquer modo, equipará-las a "bulas papais" (exceto por analogia) soa-nos um tanto sacrílego, uma vez que aquelas deliberam em prol da apostasia e seus desvarios teológicos-doutrinários.

Conforme já mencionado, apesar de aversos ao legalismo estéril (Colossenses 2:16-23 / Gálatas 4:9-11), temos na sobriedade e decoro elementos visíveis de uma integral adesão e/ou conversão (gr. transl.: "metanoya"*). Outrossim, recorrer a liberdade outorgada pela dispensação neotestamentária como um álibi para o desmazêlo implica em atentar contra a própria graça (Romanos 6:15). A "ekklésia" deve adequar-se à santificação (Efésios 5:27) como um distintivo traço (hb. transl.: "kadosh" / gr. transl.: "hágios" - "separado", "posto à parte de"). E seus componentes, por extensão, constituem uma seleta classe (Tito 2:14).

Amado... o que dizer do regime organizacional-eclesiástico implantado por Calvino, e implacavelmente aplicado em Genebra e arredores? Nossos antecessores valdenses alpinos atinham-se ao ascetismo e austeridade com acentuado rigor... Diante disso, a referida "encíclica" nada representa, senão, uma cordial admoestação...


_____________________
* Transposição de parecer ou opinião, exteriormente expressa por meio de alterações comportamentais equivalentes.




Atenciosamente,

"Em Caridade"

Irmão Ednelson

"Ekklésia Christiana"

Mensagens: 497
Data de inscrição: 18/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  izaias em Qui Mar 29, 2012 1:07 pm

Entretanto diz a Bíblia Sagrada: - Porque a graça de DEUS se há manifestado trazendo salvação a todos os homens, - Ensinando-nos que, renunciando à impiedade e às concupiscências mundanas, vivamos neste presente século sóbria, e justa, e piamente, - Aguardando a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do grande DEUS e nosso Salvador Jesus Cristo; - O qual se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda a iniquidade, e purificar para si um povo seu especial, zeloso de boas obras. - Fala disto, e exorta e repreende com toda a autoridade. Ninguém te despreze. Tito 2 (11-15).

O pré-requisito para uma vida piedosa é a graça de DEUS. Ela ensina o discipulado cristão e concede a bem aventurada esperança da vida em Cristo.
A palavra porque introduz a base do comportamento adequado. Há um relacionamento próximo entre a ética e a teologia, entre viver da maneira correta e acreditar no que é correto. Paulo testemunha a divindade de Jesus Cristo identificando-o como grande DEUS e nosso Senhor.
O objetivo da obra redentora de Cristo era criar um povo seu especial (que tem um significado particular; extraordinário), purificado do pecado e zeloso (que tem zelo; que mostra interesse por algo ou alguém; atencioso; diligente) de boas obras (o resultado ou a consequência de um trabalho, de uma ação).
Entendemos então que a mensagem aqui transmitida é que devemos nos portar como um povo diferente, o oposto do mundo e de suas concupiscências se referindo a ambição, desejo, cobiça de bens ou de prazeres materiais.
[/size]

izaias

Mensagens: 165
Data de inscrição: 12/05/2011
Idade: 63
Localização: Capital - São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://izanor@ig.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  BadMix em Qui Mar 29, 2012 1:20 pm

Caro Irmão Ednelson,
Vou ser o mais claro quanto possível quanto ao motivo da minha mensagem anterior:

- Eu sei o resultado de ler este tipo de avisos na Igreja. Sei-o porque sinto e vivo isto hoje mesmo nas nossas Igrejas aqui em Portugal, em que aqueles que usam saias e fato (penso que aí no Brasil se usa o termo terno) e gravata se julgam superiores aos demais porque obedecem a uma "recomendação superiora".

Eu vou na rua e os irmãos me saudam estando eu vestido de qualquer jeito (respeitável, porque não saio à rua de pijama Smile) mas ignoram a minha mulher não a saudando, só porque está vestida de calças de ganga. A sério? É isto que pretendem? Cegos a guiar outros cegos, valha-nos Deus.

Já fui chamado inclusive à atenção por não usar gravata nos meus deveres na Administração... Gravata na Administração?!? Mas eu vou servir a Deus em trabalho administrativo ou prestar culto num serviço litúrgico???

Deus não se agrada da nossa vestimenta, Deus se agrada do nosso coração, e esse só é agradável a Deus se nele estiver o Senhor Jesus como Rei e Senhor.
Pregue-se a Jesus e a prudência no vestir tomará conta do nosso coração, preguem-se vestimentas e a presunção se encarregará de expulsar o que resta de Jesus do nosso coração para fora.

Eu aprendi mais sobre Jesus e a sua obra em meio ano de ler e ouvir pregações de Pastores evangélicos Norte Americanos (Servos de Deus humildes e tementes, nada de teorias de prosperidade e afins, tais como John Piper, Mark Driscol, Matt Chandler, John McArthur, Tim Keller, etc, etc) do que em alguns anos de membro de Congregação Cristã. Explique-me isso se conseguir querido Irmão, pois eu só vejo um afastar completo da Cristocentria que deveria pautar todo o movimento de qualquer obra que se intitula Cristã na face da terra por parte da Congregação Cristã e da sua "cúpula" ministerial.

Esta circular, para mim, foi apenas mais uma desilusão, nada mais.

Que Deus nos anime e abençoe.
Vitor

BadMix

Mensagens: 141
Data de inscrição: 03/02/2012
Localização: Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  "Ekklésia Christiana" em Qui Mar 29, 2012 4:32 pm

Saudações cristãs,

Irmão Vitor, prezado...




Não é meu escopo persuadi-lo acerca disto, ou dissuadi-lo em relação àquilo... torpe pretensão seria.

De qualquer modo, são contextos um tanto distintos, e no âmbito "tupiniquim" as coisas realmente vem excedendo ao minimamente tolerável. Mesmo Anciãos notoriamente indiferentes ao “trato exterior” como Paulo Plácido (Jardim Paulista - São Paulo) classificam o quadro como comprometedor.

Quanto ao apreço por autores e/ou pregadores protestantes norte-americanos, não o censuro. Em sentido cronologicamente inverso, atenho-me aos autores patrísticos... A apóstolo, aliás, nos orienta a que examinemos todas as coisas, delas retendo o salutar teor (I Tessalonicenses 5:21).

O que me aflige, no entanto, é que suas palavras denotam um acentuado pesar e/ou insatisfação... e, embora não apresentando dotes proféticos, posso lhe assegurar que nossas projeções organizacionais-doutrinárias não lhe são (a médio ou longo prazo) favoráveis...

Oremos.




Atenciosamente,

"Em Caridade"

Irmão Ednelson

"Ekklésia Christiana"

Mensagens: 497
Data de inscrição: 18/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Qui Mar 29, 2012 4:51 pm

A Paz de DEUS seja em nossos corações e de nossas famílias.

A nossa única guia de fé e doutrina é a Bíblia Sagrada, a Palavra de DEUS.

Mas se formos levar a afirmação acima a ferro e fogo, sem entendimento espiritual, e sem saber o que está escrito nas Escrituras Sagradas, cometeremos erros enormes em nossas atitudes, em nossos comportamentos.

Porque a própria Bíblia diz que devemos obedecer a nossos Líderes (Supervisores, Presbíteros, Anciãos).

Sendo assim, o fato de a Bíblia ser a nossa única guia de fé e doutrina não elimina que os nossos Líderes tenham a Guia de DEUS para novos ensinamentos, que se fazem necessários pela modernização que está acontecendo no mundo.

O nosso DEUS, pelo ESPÍRITO SANTO, não falou pelos escritores da Bíblia que as mulheres não devem usar minissaia.
Mas o nosso DEUS, pelo ESPÍRITO SANTO, falou aos Servos de DEUS do Ministério que hoje ensinassem isso às Servas de DEUS.

Mas DEUS falou na Bíblia que as mulheres se vestissem com prudência. Por extensão, os homens também.

Está errado, nós crentes da Congregação Cristã no Brasil, ficarmos desfazendo dos ensinamentos que DEUS nos dá por meio de ensinamentos e conselhos do Ministério.
Se eu não quero obedecer, que eu não obedeça, mas sem querer jogar lama nos ensinamentos. Que eu assuma pessoalmente a responsabilidade da desobediência.

Ou batalhamos pela Obra de DEUS, ou batalhamos por nossos interesses e erros pessoais.

.......................................................................................................................
Acho (des)interessante que os crentes de outras Igrejas são submetidos a mandamentos e ensinamentos de seus líderes, e não os vemos postando notícias aqui na internet mundial, desfazendo desses ensinamentos.
Tem isso de acontecer justamente conosco.
Para mim, isso é esquisito.

Quanto a esse negócio de comparar o Ministério Central da Congregação Cristã no Brasil, pejorativamente chamado de "Brás", isso é um pavor.

Vou abrir um tópico a respeito, se os Administradores deixarem.
Se não deixarem, podem deletá-lo.

DEUS nos abençoe.
Luiz Flavio.

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens: 551
Data de inscrição: 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  BadMix em Qui Mar 29, 2012 6:37 pm

"Ekklésia Christiana" escreveu:
Saudações cristãs,

Irmão Vitor, prezado...

(...)
O que me aflige, no entanto, é que suas palavras denotam um acentuado pesar e/ou insatisfação... e, embora não apresentando dotes proféticos, posso lhe assegurar que nossas projeções organizacionais-doutrinárias não lhe são (a médio ou longo prazo) favoráveis...

Oremos.

Atenciosamente,

"Em Caridade"

Irmão Ednelson

Caro Irmão,
Agradeço as suas palavras de preocupação sobre o meu "desânimo" que estão certas quanto à motivação mas erradas na conclusão:
Se alguma coisa estou hoje em dia é motivado para servir a Deus de sincero coração na Igreja onde ele me fez ver a sua preciosa e redentora Luz.

Estarei orando, clamando e servindo a Deus até que Ele me diga para o parar de fazer!
Até lá, agradeço as suas, e demais, orações porque todos sabemos que nada se faz sem a unção de Deus, e trabalho por fazer é coisa que não falta.

Luiz Flavio N. Facci escreveu:
(...)

Está errado, nós crentes da Congregação Cristã no Brasil, ficarmos desfazendo dos ensinamentos que DEUS nos dá por meio de ensinamentos e conselhos do Ministério.
Se eu não quero obedecer, que eu não obedeça, mas sem querer jogar lama nos ensinamentos. Que eu assuma pessoalmente a responsabilidade da desobediência.

Ou batalhamos pela Obra de DEUS, ou batalhamos por nossos interesses e erros pessoais.

(...)
Irmão Luiz Flávio,
Considero importante que todos nós vigiemos, tal como vem dito por Deus no livro de Apocalipse sobre a Igreja de Éfeso, a qual é engrandecida nesta parte porque sabiam interpretar falsas doutrinas, quando estas surgiam.

Eu vigio no meu cantinho e tenho o maior dos prazeres em apresentar aos queridos Irmãos os meus pensamentos sobre determinados assuntos que dizem respeito à nossa doutrina, por forma a que possa aprender de todos e me sentir corretamente posicionado no zelo pelo bem da obra que deve estar sobre todos nós, e sobre o qual nos devemos manifestar ativa e saudavelmente.

Luiz Flavio N. Facci escreveu:
Quanto a esse negócio de comparar o Ministério Central da Congregação Cristã no Brasil, pejorativamente chamado de "Brás", isso é um pavor.
(...)

DEUS nos abençoe.
Luiz Flavio.

Rogo o seu perdão porque me exprimi de forma errada, desconsiderando o respeito que o Irmão Luiz e os demais me merecem.

Quando me referi a "Brás", estava a falar da Igreja onde julgo que as reuniões centrais têm lugar, e de onde estes ensinamentos são originados.
Nunca poderia eu me referir pejorativamente ao Brasil, pátria dos queridos Irmãos que neste lugar virtual tão bem me recebem, e País de quem guardo inclusive a melhor impressão e com quem teria o meu amado Portugal tanto a aprender.

As minhas desculpas pela confusão gerada por minhas palavras mal expressas.

Deus nos abençoe,
Vitor


Última edição por BadMix em Sex Mar 30, 2012 6:05 am, editado 1 vez(es)

BadMix

Mensagens: 141
Data de inscrição: 03/02/2012
Localização: Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  mmmp em Qui Mar 29, 2012 8:08 pm

É por esses, e outros motivos que fizeram afastar desta tão maravilhosa Obra!!

Dois, ou tres querem por ordem, usando a Palavra como regra, e aparecem 1.000, 2.000 para criticarem e maldizer!!!

Dizendo que Deus quer o coração e não o corpo, como se Ele fosse um açougueiro!!

Ele quer obediencia, mas isso é o que menos se ve, infelizmente!!!

mmmp

Mensagens: 32
Data de inscrição: 30/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  "Ekklésia Christiana" em Sex Mar 30, 2012 11:31 am


Saudações cristãs,

Irmão Vitor, prezado...




Eia, pois, celebremos!

Se seu aparente esmorecimento em nada compromete a vivacidade de sua carreira, nenhuma razão há para lamentos ou queixas.

Resta-lhe apenas adequar-se - com integral resignação - àquilo que nos tem sido periodicamente proposto como dispensação regular.

Se, no entanto, o irmão tem obtido nutrientes mais "sólidos" por vias alheias ou paralelas, nisso temos um nítido indício de nossa parcial insuficiência no tocante às suas espirituais aspirações.

De qualquer modo, perseveremos nas pisadas apostólicas.



Atenciosamente,

"Em Caridade"

Irmão Ednelson


Última edição por "Ekklésia Christiana" em Sex Mar 30, 2012 12:04 pm, editado 2 vez(es)

"Ekklésia Christiana"

Mensagens: 497
Data de inscrição: 18/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  Sergio Teixeira em Sex Mar 30, 2012 11:53 am

Irmão Vitor,
Há tempos atrás aqui no Rio de Janeiro também era recomendado aos servos da Administração e do Conselho Fiscal estarem sempre de terno* ("fato", aí em Portugal).
Isso depois veio cair em uma não-obrigatoriedade, pois as temperaturas por aqui chegam facil e constantemente a mais de 33 graus Celsius, e na maioria das ocasiões o tipo de trabalho exercido não era condizente com o ato de usar paletó.
Portanto, prevalece o uso natural do terno durante as reuniões administrativas e ministeriais, porém para trabalho já não é mais necessário, já que se há mais é que arregaçar as mangas, isto sim.
E somente do ano passado para cá é que - no Rio de Janeiro - acordamos para a necessidade de instalar refrigeradores de ar nas igrejas e na maioria de suas dependências.
Nos tempos em que Afonso Arinos foi presidente do Brasil, quando a temperatura (eventualmente) atingia os 40 graus isso era considerado como "calamidade pública".
Hoje em dia, 40 graus não é mais nenhuma eventualidade, sendo coisa muito comum.
O que era calamidade portanto passou a ser coisa banal e corriqueira.
De qualquer forma, já nos ensinava o Mestre que se alguém nos instar a caminhar com ele uma única milha, que estejamos dispostos a caminhar duas, e não apenas uma. Se nos voluntariarmos portanto, seremos donos da situação, e não seus escravos. Seremos senhores, e não "pobres vítimas".

Que Deus nos abençoe a todos.

* Aqui se usa na verdade "paletó e gravata" já que um "terno" incluiria - além desses - um colete.

Sergio Teixeira

Mensagens: 1144
Data de inscrição: 12/05/2011
Localização: Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  BadMix em Sex Mar 30, 2012 12:17 pm

Estou grato a ambos pelas atenciosas palavras, mas vou enfatizar o agradecimento ao Irmão Sérgio Teixeira pela breve mas esclarecedora explicação sobre uma parte do Sermão da Montanha sobre a qual há algum tempo buscava compreensão.

Devo referir que, apesar de não concordar com a admoestação de que fui alvo, não fiz frente a quem me confrontou com o não-uso da gravata, antes passei a levar comigo esse item de vestuário para que não fosse a minha rebeldia a "aparecer", mas a humildade que convém àqueles que se dizem seguidores de Jesus (a qual confesso não ter, senão uma mui pequena partícula).
Nisto não me glorio pois bem sei que não tendo já recebido imerecida dose de misericórdia, longe estariam os meus pés, e desejos, de O servir em qualquer trabalho da Sua vastíssima obra.

Deus nos abençoe!
Vitor

BadMix

Mensagens: 141
Data de inscrição: 03/02/2012
Localização: Portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Congregação Cristã e apresentação pessoal: Circular Oficial

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Sex Mar 30, 2012 12:31 pm

A Paz de DEUS seja conosco.

Quando há uma norma em algum lugar, eu tenho de obedecê-la.
Pode ser no trabalho, pode ser em determinado edifício público, pode ser numa comunidade qualquer.

Se, por acaso, não gostar da norma, por achá-la errada ou incômoda, o que posso (tenho o direito de) fazer é, se for possível, conversar com os superiores a respeito, procurando modificá-la.
Se concordarem, ótimo. Se não, continuar obedecendo.
Em último caso, posso até mesmo abandonar o local que me me obriga à norma indesejada, porém isso só vale no aspecto material.
Em se tratando de um trabalho na Obra de DEUS, não existe isso de abandonar o trabalho por causa da norma incômoda. Continuando no trabalho para a Obra de DEUS mostraremos amor por essa Obra.

Olha só, heim gente: eu fico falando assim, como quem quer dar lição de moral ou ensinamento, mas não é nada disso. Na verdade sou um Irmão de banco, muito preguiçoso (além de outras muitas limitações) que não faz nada na Obra de DEUS. Orem por mim.
O que acontece é que estou dando opiniões sobre o que acho que seria certo, mas não me colocando como exemplo.

Irmão Vitor, que DEUS continue te dando forças para trabalhar cada vez mais para o nosso DEUS.

DEUS nos abençoe a todos, com nossas famílias.
Luiz Flavio.
Esta mensagem foi enviada antes de eu ter lido a anterior, do Irmão Vitor.


Última edição por Luiz Flavio N. Facci em Sex Mar 30, 2012 12:33 pm, editado 1 vez(es) (Razão : Acréscimo em vermelho.)

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens: 551
Data de inscrição: 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum