Missões e viagens evangelísticas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Benício em Sab Fev 18, 2012 9:32 pm

Caros irmaos, a Paz de Deus.

Nao é meu intuito criar desavenças, nem ficar falando mal deste ou daquele, quero apenas compartilhar com vocês uma opinião minha, e saber se estou certo ou errado.
Falarei por itens, para facilitar a leitura e o entendimento.

CAUSA DE MINHA DÚVIDA

Bem, em janeiro, veio um ancião aqui em minha cidade.
Ele é bem abençoado, dotado de uma sabedoria da Palavra de Deus sem comparação, queria ser ele, no bom sentido, até sinto inveja dele.
Este irmão estava testemunhando que tempos atrás ele foi ao exterior, deu a volta ao mundo, e etc.
Menos de um mês depois, estava este mesmo ancião atendendo uma Reunião de Mocidade aqui na minha regiao.
Menos de um mês depois da Reunião de Mocidade, soube que ele estava no exterior de novo.

MINHA DUVIDA

Considerando que este ancião atende num lugar muito difícil, de pessoas duras de coração, num lugar onde a irmandade tem sede de ouvir a Palavra de Deus, lugar onde a irmandade passa por necessidades materiais e espirituais, não seria de bom grado que ele ficasse mais em seu lugar, onde Deus preparou de ele atender?
Ás vezes fico me perguntando: será que a maioria destes casos de ministério, é sé status e ter a vida mansa a custas das coletas para Viagens Missionárias?
Nao estou questionando as viagens em si, mas eu penso, tantos lugares que precisam de gente pra falar de Cristo. Por que não vão para a Africa com o mesmo sorriso no rosto quando vão para países mais desenvolvidos?
Quando questionei isso, muitos vieram me criticar, dizendo que isso era inveja. Mas meus irmãos, eu estou errado em meu pensamento?

Deus vos abençoe.

Benício

Mensagens : 101
Data de inscrição : 09/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Dom Fev 19, 2012 5:23 am

Benício escreveu:Caros irmaos, a Paz de Deus.
Nao é meu intuito criar desavenças, nem ficar falando mal deste ou daquele, quero apenas compartilhar com vocês uma opinião minha, e saber se estou certo ou errado. Falarei por itens, para facilitar a leitura e o entendimento.
CAUSA DE MINHA DÚVIDA
Bem, em janeiro, veio um ancião aqui em minha cidade.
Ele é bem abençoado, dotado de uma sabedoria da Palavra de Deus sem comparação, queria ser ele, no bom sentido, até sinto inveja dele.
Este irmão estava testemunhando que tempos atrás ele foi ao exterior, deu a volta ao mundo, e etc.
Menos de um mês depois, estava este mesmo ancião atendendo uma Reunião de Mocidade aqui na minha regiao. Menos de um mês depois da Reunião de Mocidade, soube que ele estava no exterior de novo.
MINHA DUVIDA
Considerando que este ancião atende num lugar muito difícil, de pessoas duras de coração, num lugar onde a irmandade tem sede de ouvir a Palavra de Deus, lugar onde a irmandade passa por necessidades materiais e espirituais, não seria de bom grado que ele ficasse mais em seu lugar, onde Deus preparou de ele atender?
Ás vezes fico me perguntando: será que a maioria destes casos de ministério, é sé status e ter a vida mansa a custas das coletas para Viagens Missionárias?
Nao estou questionando as viagens em si, mas eu penso, tantos lugares que precisam de gente pra falar de Cristo. Por que não vão para a Africa com o mesmo sorriso no rosto quando vão para países mais desenvolvidos?
Quando questionei isso, muitos vieram me criticar, dizendo que isso era inveja. Mas meus irmãos, eu estou errado em meu pensamento?
Deus vos abençoe.
Amém.
A Paz de DEUS esteja em nossos corações e de nossas famílias.
Assumo para mim que todas as vezes que eu criticar algum Irmão do Ministério, por fazer ou por não fazer alguma coisa, eu estou errando e errado.
Por quê? Poque eu não estou dentro da cabeça dele, não sei o que o próprio nosso DEUS o mandou fazer ou o mandou deixar de fazer.
Eu não sei o que se passa pela cabeça desse Irmão, nem se ele chegou até a orar a DEUS, dizendo: "SENHOR, me dispensa dessa missão. Não aguento mais. Estou cansado, preciso parar um pouco. Mas seja feita a tua vontade e não a minha."
Não sei se esse Irmão foi mantido em suas viagens com os frutos da coleta, ou se foi às suas próprias expensas.
Não sei se esse Irmão, se mantido em parte com os frutos da coleta, teve de tirar de seu próprio bolso alguma ou muita parte para as necessidades que apareceram lá nos lugares a que ele foi.
Na verdade não sei de nada (só DEUS sabe), então não acho bacana (alias: acho errado) eu criticar o Irmão por qualquer que seja a razão.

Eu sou sujeitos a erros, por pensamentos e obras, e assim sou sujeito a criticar nossos Irmãos, sim. Mas se isso acontecer assumo que estou errando e errado agindo assim, e que tenho de me modificar.

Quando DEUS prepara um Ancião para atender em um lugar, prepara também um Cooperador para substituí-lo em caso de ausência. Se não for um Cooperador, será um outro Irmão qualquer. Mas a Obra não ficará sem assistência.
Não é o Ancião quem sustenta a Obra; quem sustenta a Obra, e ao próprio Ancião, é o nosso DEUS.
O Ancião é um Servo de DEUS, não é o próprio DEUS.
A Palavra de DEUS é única e independente de tudo. Não tem Ancião para pregá-la? DEUS preparará um Irmão qualquer, até de banco.

Não tem jeito de eu acreditar em "status" de Ancião, como uma situação material.
Não é status nem poder, é apenas que são Servos de DEUS que têm de ser duplamente honrados, respeitados, e "orados por eles".
Digo "orados por eles " porque são tão fracos como nós, sujeitos aos mesmos erros que nós e, entretanto, carregam uma responsabilidade tão enorme que, digo, eu não quereria nunca para mim.

Quanto aos Irmãos que acusaram você, caro Irmão Benício, de sentir inveja, acho que eles erraram, e erraram feio. Ninguém está dentro de sua cabeça e de seu coração para fazer uma acusação dessas.
Para mim, pelas suas palavras que você postou, tenho certeza de que não é nada disso, não é inveja de sua parte. É uma dúvida que você tem, e que qualquer um de nós também poderia ter.

Não estou querendo ser moralista nem sermonista, mas repare: você sofreu quando o acusaram de inveja, não foi?
Do mesmo modo o Ancião que você citou sofrerá quando (se) souber que alguns o acusam de estar viajando à toa.
Acho que devemos evitar sofrimentos uns dos outros.

DEUS abençoe.
Luiz Flavio.

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens : 551
Data de inscrição : 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Soldado CCB em Dom Fev 19, 2012 7:54 am

Cabe lembrar que só é considerado viagens missionárias aquelas que são oradas em reunião ministerial, só assim pode-se ter ajuda da coleta de fundo de viagens. Outras viagens não oradas em reuniões são de caráter particular e se viaja com recursos próprios.

Soldado CCB

Mensagens : 45
Data de inscrição : 20/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Sergio Teixeira em Dom Fev 19, 2012 8:04 am

Tenhamos em mente que ninguém viaja nesta obra meramente "a passeio", seja ancião, diácono, administrador, auxiliar técnico, etc.

Em São Paulo e algumas outras regiões é comum a coleta sob o título de "viagens missionárias", mas aqui no Rio, por exemplo, tal coleta praticamente não existe.
Então os frutos que sejam necessários são supridos geralmente através de preparações espontâneas no meio de alguns servos de Deus cujos corações são tocados especificamente para isso.

Por outro lado, criou-se no meio de parte de nosso povo a falsa idéia de que as viagens missionárias são feitas pelos servos por uma questão de "diletantismo", porém tais viagens são feitas sob a estrita guia de Deus.

Para jovens de seus 30 ou 40 anos de idade, viajar "por aí afora" seria uma experiência totalmente prazeirosa.
Mas imaginem só o desconforto que alguém com a minha idade, do Luiz Flavio e de outros poderia experimentar ao sair de sua rotina de tomar medicamentos e alimentar-se na hora certa, de seguir suas dietas, de ter de prescindir do convívio de suas familiares, de ter enorme responsabilidade na resolução de alqumas questões que surgem em terras distantes, etc.

Pessoas contenciosas sempre imaginam "o ancião" viajando de primeira classe e comendo churrasco pelo mundo afora, mas a realidade é bem outra.
Claro está que, se Deus manda, também recomenda.
Então nem tudo são flores, nem tudo são espinhos. Mas tudo é feito para honra e glória de nosso Deus.

Irmão Benício:
Sei que não é intenção do irmão criar qualquer desavença, porém essa semente já havia sido lançada no meio do povo de Deus e alguns, em decorrência disso, começaram a duvidar da integridade de seus líderes (isso em qualquer igreja, e não somente na Congregação).
É um sinal evidente de que nosso inimigo não dorme e está agindo em total desespero, procurando desviar-nos da Fé e da Caridade (que é sofredora e não suspeita mal).

Que Deus nos abençoe a todos.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Benício em Dom Fev 19, 2012 1:51 pm

Olhe, eu questiono muito isso.

Pra que viajar tanto assim? Isso que não dá pra entender.
Será que muitos viajam apenas por viajar? Para atender culto em igrejas cheias e ter honrarias? Sei não, mas acho que muitos anciãos só querem se aparecer.
Veja, na região deste que falei, um local que precisa muito de pregar o evangelho por lá, pra que ele não para em casa ao invés de ficar nessa de ir pra lá e pra cá?
Depois de uma pregação do ex-ancião Jesus Alberto Cintra (Santin de Goiás), ele falando que, já havia recebido convites para ir aos EUA, Europa, com tudo pago, com certeza, nos embasa e nos dá autoridade para questionar algumas atitudes de certos anciãos.

Benício

Mensagens : 101
Data de inscrição : 09/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Soldado CCB em Dom Fev 19, 2012 2:10 pm

Em parte nosso irmão Benício está correto em suas conclusões, tanto que há um ensinamento para os irmãos anciães e diáconos que viajam anualmente para S. Paulo nas assembléias gerais, para que assim que acabem as reuniões eles voltem aos seus estados e cidades de origem e não fiquem por S.Paulo muitos dias congregando aqui e ali, pois são nos locais onde Deus os tem constituidos é que a irmandade necessitam deles. Então o servo prudente jamais se aproveitara de seu ministério para viajar gratuitamente mesmo que seja para congregar pois devem buscar a santa guia de Deus em tudo e sempre priorizar a localidade onde foi ordenado.

Soldado CCB

Mensagens : 45
Data de inscrição : 20/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Sergio Teixeira em Dom Fev 19, 2012 7:56 pm

Minhas atividades naturais na CCB exigem que eu não seja do tipo "ingênuo" ou "excessivamente crédulo".
Portanto acredito na possibilidade que ocorra algum excesso aqui ou ali.

Mas na qualidade de cristão, tenho o dever de cortar em mim mesmo quaisquer laços de dúvida ou malícia, e assim, com base em minhas observações pessoais, tomo a liberdade de afirmar que em geral o que se comenta negativamente a esse respeito não tem uma boa procedência.

Ademais - e acho que o irmão Ednelson pode confirmar isso com maior exatidão - existe ensinamento para os servos do Ministério não abandonarem seus locais de origem para sairem viajando a pretexto de pregar a Palavra por aí afora...
Havendo nisso alguma distorção, porém, seu percentual será desprezível.

Observemos que hoje em dia viaja-se proporcionalmente bem menos que há 10 anos atrás.
E no dia em que o Ministério finalmente descobrir a videoconferência, que pode ser conseguida a custos corporativos baixíssimos com alta qualidade, segurança e confiabilidade, viajará menos ainda.
Infelizmente a tecnologia tem chegado até nós em doses homeopáticas e muitas vezes tardias.
Mas isso também tem o seu lado bom.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Seg Fev 20, 2012 4:31 am

A Paz de DEUS seja conosco.
Sergio Teixeira escreveu:Minhas atividades naturais na CCB exigem que eu não seja do tipo "ingênuo" ou "excessivamente crédulo". Portanto acredito na possibilidade que ocorra algum excesso aqui ou ali.
Mas na qualidade de cristão, tenho o dever de cortar em mim mesmo quaisquer laços de dúvida ou malícia, e assim, com base em minhas observações pessoais, tomo a liberdade de afirmar que em geral o que se comenta negativamente a esse respeito não tem uma boa procedência.
... Havendo nisso (leia-se todo o post do Irmão Sergio) alguma distorção, porém, seu percentual será desprezível.
Sem qualquer bajulação, as palavras acima mostram o conhecimento e o equilíbrio do Irmão Sergio Teixeira, o que é percebido em todos os seus posts.

De minha parte, devo dizer que eu, por não ter nenhuma atividade natural na Igreja, não ter o mesmo conhecimento e equilíbrio, posso me dar ao luxo de ser do tipo ingênuo e excessivamente crédulo.
E sou assim de verdade, não por fingimento.
É a minha filosofia de vida, meu costume.
E sou feliz assim. Quero morrer assim. E dou graças a DEUS por isso.

Para mim, e não consigo ver diferente, se o Irmão Ancião citado no tópico viaja "muito", ele o faz sob as ordens de nosso DEUS.
Um Ancião não se sente nunca como superior às ovelhas do SENHOR JESUS.
Ele nunca quer "aparecer".
Só DEUS conhece os seus sentimentos, o seu coração, as suas lágrimas em secreto, o seu cansaço, as suas enfermidades, a sua família, e por aí vai.

Bom ... mas supondo-se que exista um ou dois que falhem nessa parte (eu não acredito nisso, para que não haja julgamento de minha parte em relação a este ou aquele), se existe esse um ou dois, é uma falha pessoal.
E eu pergunto: por acaso eu próprio não tenho inúmeras falhas? Claro que as tenho aos montes.
Com uma diferença: eu sou um fraco que além de tudo não faz absolutamente nada na Obra de DEUS.
Então, pergunto: que direito tenho eu de criticar o meu Irmão? E um Ancião ainda por cima, que é para ser obedecido, respeitado e merece uma duplicada honra, como nos ensina a Palavra de DEUS?

Achei superbacana o querido Irmão Benicio em JESUS CRISTO ter criado este post.
Mais bacana ainda o modo como ele postou, avisando que era apenas uma dúvida, sem a intenção de criar desavenças nem falar mal de ninguém.
Muito legal, mesmo.
Acho que todos os posts deveriam ser no "tom" do Irmão Benicio.

E completo dizendo que infelizmente não sei basear meus posts na Palavra de DEUS, por incompetência, e tudo o que falo é opinião pessoal minha (achismo meu).

Mas agora vou dizer uma coisa que não é opinião nem achismo meus. É a verdade abaixo:

Todos temos erros e fraquezas, mas tem um erro ou fraqueza de que temos de fugir às léguas: é a suspeita contra qualquer Irmão (mormente Anciãos), é a crítica contra os erros pessoais dos Irmãos (mormente Anciãos).
Todos temos nosso sofrimento por nossas fraquezas, por não conseguirmos servir bacana ao nosso DEUS.
E ainda virá alguém arranhar (não por má-fé, mas por fraqueza também) nossas feridas?



Acho (achismo meu) que o que escrevi acima não é achismo. É certeza e verdade.
Não sei "ondes" mas sei que isso está escrito na Palavra de DEUS. Então, é verdade.

DEUS nos abençoe.
Luiz Flavio.

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens : 551
Data de inscrição : 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Sergio Teixeira em Seg Fev 20, 2012 10:38 am

Extraído da Bíblia Católica (embora o texto seja um pouco diferente, o sentido praticamente não se altera):
I Coríntios, 13

1. Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver caridade, sou como o bronze que soa, ou como o címbalo que retine.
2. Mesmo que eu tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência; mesmo que tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tiver caridade, não sou nada.
3. Ainda que distribuísse todos os meus bens em sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, se não tiver caridade, de nada valeria!
4. A caridade é paciente, a caridade é bondosa. Não tem inveja. A caridade não é orgulhosa. Não é arrogante.
5. Nem escandalosa. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor.
6. Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade.
7. Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
8. A caridade jamais acabará. As profecias desaparecerão, o dom das línguas cessará, o dom da ciência findará.
9. A nossa ciência é parcial, a nossa profecia é imperfeita.
10. Quando chegar o que é perfeito, o imperfeito desaparecerá.
11. Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Desde que me tornei homem, eliminei as coisas de criança.
12. Hoje vemos como por um espelho, confusamente; mas então veremos face a face. Hoje conheço em parte; mas então conhecerei totalmente, como eu sou conhecido.
13. Por ora subsistem a fé, a esperança e a caridade - as três. Porém, a maior delas é a caridade.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Benício em Ter Fev 28, 2012 9:56 am

Voltei, muito corrido aqui.

Então irmãos, entendo o ponto de vista de vocês quando falam sobre o atendimento e as necessidades que existem em outros locais.

Considero aceitável até certo ponto, pois em minha humilde e valiosa opinião, muitos irmãos se aproveitam disso para querer se aparecer.

Nao questiono em si as viagens e o caráter das mesmas, mas sim, a atitude de certos presbíteros que passam do limite aceitável.

Deus vos abençoe.

Benício

Mensagens : 101
Data de inscrição : 09/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Sergio Teixeira em Ter Fev 28, 2012 10:18 am

Oremos pela integridade da Obra, e pelos erros individuais de cada um de nós, para que o Senhor abra nossos olhos para que não venhamos a cometê-los mais.
E que um dia possamos estar todos nós vestidos de branco, com palmas nas mãos, e cantando o glorioso hino que ainda não foi cantado, conhecendo a face do Deus-Pai como ela verdadeiramente o é.
Que Deus nos abençoe a todos.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Ter Fev 28, 2012 10:43 am

AMÉM

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens : 551
Data de inscrição : 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missões e viagens evangelísticas

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum