IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  THEODORO em Seg Set 05, 2011 6:31 am

Com relação a igrejas que estão se tornando cópia da CCB, quais são elas? Alguém sabe me falar se são pessoas desviadas que a criaram ou se são pessoas que simplesmente tiveram algum conflito com o ministério? Pois, em minha cidade que é do interior se fala muito sobre isso, mas, dizem apenas que estão copiando a nossa igreja por toda a parte e que inclusive pode ocorrer de alguém congregar em uma dessas igrejas pensando estar congregando na CCB? Será isso possível? Comentem por favor.

THEODORO

Mensagens : 64
Data de inscrição : 23/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Sergio Teixeira em Seg Set 05, 2011 9:53 am

Irmão Theodoro, na verdade existe de tudo um pouco, e nenhuma das partes, é detentora de toda a razão.

Cada uma tem suas ponderações, seus motivos, alguns até justos, porém a partir daí a coisa tem descambado para as acusações mútuas, algumas até mesmo inverídicas e isso de parte a parte, o que é lamentável em nosso meio.
Não temos o dom de entrar nos corações para saber o quanto alguém foi oprimido, o quanto alguém desejou um ministério que não conseguiria por outros meios, ou até onde vai o desejo de poder, e quanto existe efetivamente de temor e amor a Deus, entre outras coisas.
Mas dá para enxergarmos ora um pouco de mágoa, ora de decepção, de desapontamento, de ansiedade, de contrariedade, de tristeza e até de arrependimento.

Minha sugestão é a de que amemos a todos sem distinção, e que deixemos cada um com suas próprias idéias, suas próprias razões, seus próprios caminhos, e que oremos para que almas não venham a morrer.
Que, pelo contrário, tudo dê certo para esses grupos que por algum motivo acharam por bem se separar, e que sobretudo o nome de Deus seja glorificado também através deles.

Não nos convém irmos visitar tais igrejas por "mera curiosidade" . E se efetivamente o formos, deveremos ter certeza absoluta de que foi Deus quem nos mandou ali.
Inclusive, já temos ouvido continuadas exortações proibindo explicitamente a irmandade da CCB de fazê-lo sob pena de perder a liberdade.

E se formos, o que encontraremos?
Basicamente, e em termos práticos, a mesma doutrina adotada pela CCB, com algumas inovações ou ajustes nalgum ponto.
Irmãs de véu, irmãos de terno, sentados em locais separados, orquestra, os dizeres "Em nome do Senhor Jesus", nosso tradicional sistema de ofertas voluntárias, e, é claro, a vontade de louvar e cultuar a Deus.
Seus Estatutos, por serem mais novos, são mais completos e prevêem situações que na CCB não foram previstas.
Em algumas dessas igrejas, a constituição do Ofício ministerial poderá ser diferente, e encontraremos nomes como "bispo" e "presbítero" ao lado de "anciães" e "diáconos".
O Batismo é ministrado da mesma forma que na CCB ou seja, por imersão e em nome de Jesus Cristo, do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Também são comuns os doze pontos de fé e doutrina, porém baseando-se na versão italiana e não na versão brasileira atual.
A principal diferença entre essas versões é a adoção do termo "contendo" em nossa versão corrente, e que inexiste na versão italiana.
( Observação: Essa contenda de a Bíblia "ser" ou "conter" a Palavra de Deus originou-se de grupos de "estudiosos" norteamericanos, que ao "levantar essa lebre" conseguiram apenas "fazer o papel do inimigo" ou seja, trazer grande polêmica e dúvidas no meio de todo o povo cristão. Consideremos que tudo aquilo que desperta grandes dúvidas certamente não vem de Deus, pois Ele é o Deus da Certeza, e da Retidão ).

Quanto ao repertório de hinos, poderá haver coincidência ou não.

Também a revelação da Palavra é feita na hora, da mesma forma que na CCB.
Noto que tais igrejas não são avessas a fotografia ou filmagem durante os cultos, pois há bastantes vídeos na internet, inclusive no tocante à pregação da Palavra.

Eu mesmo nunca fui a uma igreja dessas, porém tenho acompanhado tanto quanto possível o seu desenvolvimento através da própria internet.

Quem não conhece e entra numa igreja dessas, acredita estar na própria Congregação, pois a semelhança - inclusive dos prédios - é muito grande.

E para saber quais são, basta clicar em "Início" no alto desta mesma página e teremos acesso a bastante informação sobre todas elas.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  THEODORO em Ter Set 06, 2011 4:18 am

[quote="Sergio Teixeira"]Irmão Theodoro, na verdade existe de tudo um pouco, e nenhuma das partes, é detentora de toda a razão.

Cada uma tem suas ponderações, seus motivos, alguns até justos, porém a partir daí a coisa tem descambado para as acusações mútuas, algumas até mesmo inverídicas e isso de parte a parte, o que é lamentável em nosso meio.
Não temos o dom de entrar nos corações para saber o quanto alguém foi oprimido, o quanto alguém desejou um ministério que não conseguiria por outros meios, ou até onde vai o desejo de poder, e quanto existe efetivamente de temor e amor a Deus, entre outras coisas.
Mas dá para enxergarmos ora um pouco de mágoa, ora de decepção, de desapontamento, de ansiedade, de contrariedade, de tristeza e até de arrependimento.

Minha sugestão é a de que amemos a todos sem distinção, e que deixemos cada um com suas próprias idéias, suas próprias razões, seus próprios caminhos, e que oremos para que almas não venham a morrer.
Que, pelo contrário, tudo dê certo para esses grupos que por algum motivo acharam por bem se separar, e que sobretudo o nome de Deus seja glorificado também através deles.

Não nos convém irmos visitar tais igrejas por "mera curiosidade" . E se efetivamente o formos, deveremos ter certeza absoluta de que foi Deus quem nos mandou ali.
Inclusive, já temos ouvido continuadas exortações proibindo explicitamente a irmandade da CCB de fazê-lo sob pena de perder a liberdade.

E se formos, o que encontraremos?
Basicamente, e em termos práticos, a mesma doutrina adotada pela CCB, com algumas inovações ou ajustes nalgum ponto.
Irmãs de véu, irmãos de terno, sentados em locais separados, orquestra, os dizeres "Em nome do Senhor Jesus", nosso tradicional sistema de ofertas voluntárias, e, é claro, a vontade de louvar e cultuar a Deus.
Seus Estatutos, por serem mais novos, são mais completos e prevêem situações que na CCB não foram previstas.
Em algumas dessas igrejas, a constituição do Ofício ministerial poderá ser diferente, e encontraremos nomes como "bispo" e "presbítero" ao lado de "anciães" e "diáconos".
O Batismo é ministrado da mesma forma que na CCB ou seja, por imersão e em nome de Jesus Cristo, do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Também são comuns os doze pontos de fé e doutrina, porém baseando-se na versão italiana e não na versão brasileira atual.
A principal diferença entre essas versões é a adoção do termo "contendo" em nossa versão corrente, e que inexiste na versão italiana.
( Observação: Essa contenda de a Bíblia "ser" ou "conter" a Palavra de Deus originou-se de grupos de "estudiosos" norteamericanos, que ao "levantar essa lebre" conseguiram apenas "fazer o papel do inimigo" ou seja, trazer grande polêmica e dúvidas no meio de todo o povo cristão. Consideremos que tudo aquilo que desperta grandes dúvidas certamente não vem de Deus, pois Ele é o Deus da Certeza, e da Retidão ).

Quanto ao repertório de hinos, poderá haver coincidência ou não.

Também a revelação da Palavra é feita na hora, da mesma forma que na CCB.
Noto que tais igrejas não são avessas a fotografia ou filmagem durante os cultos, pois há bastantes vídeos na internet, inclusive no tocante à pregação da Palavra.

Eu mesmo nunca fui a uma igreja dessas, porém tenho acompanhado tanto quanto possível o seu desenvolvimento através da própria internet.

Quem não conhece e entra numa igreja dessas, acredita estar na própria Congregação, pois a semelhança - inclusive dos prédios - é muito grande.

E para saber quais são, basta clicar em "Início" no alto desta mesma página e teremos acesso a bastante informação sobre todas elas.[/quote

Caro irmão,

Deus lhe abençoe pelas suas explicações, pude entender com mais clareza o que está acontecendo.]

THEODORO

Mensagens : 64
Data de inscrição : 23/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Ter Set 13, 2011 8:14 am

A Paz de DEUS esteja em nossos corações.

De minha parte, fico pensando:

Em nossos corações está o desejo de servirmos a DEUS, em nome de nosso SENHOR JESUS, e conforme a doutrina deixada para nós na Bíblia, mais especificamente no Novo Testamento.
A Congregação Cristã no Brasil é a Igreja com a perfeita doutrina do SENHOR JESUS neste planeta Terra.

Não estou me referindo a nós, humanos, Irmãos do Ministério ou "de banco", sermos perfeitos. Pelo contrário, erros e pecados é o que não falta em qualquer de nós, individualmente. Estou me referindo à doutrina.

Então não vejo qualquer razão para que alguém que quer servir a DEUS em espírito e em verdade saia da Congregação Cristã no Brasil.
Muito menos que saia e funde uma nova Igreja.

E, pior ainda, uma absurdo: fundar nova Igreja copiando fielmente, na medida do possível, a Congregação Cristã no Brasil, em todos os aspectos: nome, tipos de edificações das casas de oração, estatuto, hinário, ensinamentos, etc.
A única diferença é que eles, os fundadores, passam a ser os big bosses da nova igreja.
Tudo vaidade.
Só que essa vaidade torna-se um pecado enorme, ao (tentar) confundir o povo fazendo essas cópias da Congregação Cristã.

Essas cópias da Congregação Cristã não foram fundadas com base em erros doutrinários bíblicos da Igreja original, mas sim em contendas pessoais, e o erro é de quem não aceitou a autoridade de quem realmente a detém, que são os Servos de DEUS do Ministério da Congregação.

E para tentarem se manter são obrigadas praticamente a viver enxovalhando a Congregação Cristã e pela internet, que tem alcance mundial. Isso está errado.

Quanto aos fundadores das cópias, pessoalmente, eu lhes desejo todo o bem do mundo. Peço a DEUS que os abençoe muito. Mas que são Irmãos errados, são. Mas que as atitudes dos Irmãos que saíram da Congregação e fundaram outras igrejas, mormente por essas Igrejas serem cópias, foram e são atitudes erradas, são sim.

Que DEUS nos abençoe.
Luiz Flavio.


Última edição por Luiz Flavio N. Facci em Ter Set 13, 2011 11:25 am, editado 1 vez(es) (Razão : Alterações em vermelho.)

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens : 551
Data de inscrição : 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Sergio Teixeira em Ter Set 13, 2011 10:03 am

Vejo porém o erro potencialmente em ambos os lados.
Se alguém quer sair, que saia. Se quer permanecer, que permaneça.

Porém, tudo deve ser feito sob a guia de Deus, e não sob a opinião ou sob a autoridade de quem quer que seja.
E se é feito fora da Guia Perfeita, não cabe a nós exercer julgamento.

Tudo em nosso meio tem de ser espontâneo, senão carecerá de valor perante o Pai Eterno.
E se é coisa de Deus, certamente prosperará.

Mas acho que todos nós deveríamos fazer uma revisão crítica em nosso próprio proceder.
Pode ser que encontremos em nós mesmos algo que tenha motivado ou pelo menos inspirado tais dissenções.

Conforme já afirmei anteriormente, se eu hipoteticamente "não estivesse satisfeito" com a CCB e resolvesse fundar outra igreja nos moldes cristãos, eu poderia seguir qualquer uma das inúmeras vertentes teológicas cristãs atualmente existentes, e qualquer outra doutrina, exceto aquela que eu teria considerado "errada" (e portanto recusado), pois isso não faria sentido algum.

Agora, fundar um ministério à parte, sem me reportar a pessoas a quem sempre me reportei com má vontade, isso seria bastante convidativo para muitos. E faria sentido.

Fundar outra igreja que siga a mesma doutrina da CCB simplesmente atesta e comprova que a doutrina adotada pela CCB está correta.
O problema, se é que realmente existe, não está portanto na doutrina, porém em algum outro lugar qualquer, em uma outra situação qualquer, em outro sentimento qualquer.
Não na doutrina.
Esta pode ser considerada perfeita e digna de ser seguida.
Quem considerar a doutrina da CCB imperfeita, então que funde suas igrejas com outras doutrinas, já que buscam a perfeição.
Homens erram, mas Deus não erra.

Porém se esses que se separam seguem rigorosamente a mesma doutrina, de forma alguma "apostataram da Fé" como se alega.
Eles se rebelaram, isto sim, e criaram dissidências.
O povo que os seguiu o fez de boa vontade e tem aceito suas doutrinas - que nada têm de "novo" - igualmente como "sã doutrina" e que é rigorosamente igual.

Perante Deus, não são apóstatas nem pecadores.
Portanto, não nos coloquemos na qualidade de julgadores em um lugar que não é nosso.
Além do que, a ninguém é dado o direito ou prerrogativa se ser policial, promotor e juiz ao mesmo tempo.
Se o fizermos, estaremos sujeitos nós mesmos a pecar.

Lembremo-nos de que a Igreja (espiritualmente falando) não pertence a nós individualmente, e sim ao próprio Deus Eterno, através da intercessão única de seu filho unigênito o Senhor Jesus o Cristo, que foi quem desceu à terra para nos dar ensinamento, para compartilhar conosco o Amor do Pai, para vencer e nos ensinar a também vencer, e até para sermos seus iguais.

Foi Ele quem pagou nossos pecados.
Foi Ele quem nos deu a condição de batermos diretamente à porta do Pai e fazermos nossas petições sem a necessidade de intermediários.
Mais ninguém.

E antes que nossa alma venha a perecer pela desobediência, é bom nos lembrarmos disso.
Não deixemos de forma alguma que nossas vaidades falem mais alto que a perfeita guia de Deus ou que os ensinamentos do Mestre.
E que nosso desejo seja sempre de praticar a Justiça e não de termos toda uma suposta razão "ao nosso lado".
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Ter Set 13, 2011 11:28 am

A Paz de DEUS!
Tendo lido o post acima do Irmão Sergio Teixeira, fiz uma edição no meu anterior.
Depois farei novos comentários.
DEUS abençoe.
Luiz Flavio.

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens : 551
Data de inscrição : 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Qua Set 14, 2011 4:38 am

A Paz de DEUS esteja em nossos corações.
Sergio Teixeira escreveu:E se é feito fora da Guia Perfeita, não cabe a nós exercer julgamento. Mas acho que todos nós deveríamos fazer uma revisão crítica em nosso próprio proceder.
Pode ser que encontremos em nós mesmos algo que tenha motivado ou pelo menos inspirado tais dissenções.
Permita-me, Irmão, não concordar totalmente com você, nessa parte de julgamento.
Acho que se alguém sai de uma Igreja a não ser que essa Igreja apresente erros doutrinários (que não é o caso da Congregação Cristã no Brasil) essa atitude é passível de julgamento por parte de qualquer um.
Ainda nesse caso de a primeira Igreja não apresentar erros doutrinários, se alguém saiu e fundou outra Igreja, também essa atitude é passível de julgamento por nós.
Julgamento quanto às atitudes, e não quanto à pessoa em si.
Fundar outra igreja que siga a mesma doutrina da CCB simplesmente atesta e comprova que a doutrina adotada pela CCB está correta. O problema, se é que realmente existe, não está portanto na doutrina, porém em algum outro lugar qualquer, em uma outra situação qualquer, em outro sentimento qualquer. Não na doutrina.
É isso. E se não há erro doutrinário, não pode alguém sair em dissidência e fundar outra Igreja.
Porém se esses que se separam seguem rigorosamente a mesma doutrina, de forma alguma "apostataram da Fé" como se alega. Eles se rebelaram, isto sim, e criaram dissidências.
Se a Palavra de DEUS em várias partes condena as dissidências, então podemos dizer que criar dissidências é errado. E isso não é julgamento. É afirmação, baseado na Palavra de DEUS.
Mas acho que todos nós deveríamos fazer uma revisão crítica em nosso próprio proceder.
Pode ser que encontremos em nós mesmos algo que tenha motivado ou pelo menos inspirado tais dissenções.
Quem mais deve fazer essa revisão crítica são os que se separaram, que devem pensar que isso não poderia ter acontecido, a menos de erros doutrinários na Congregação Cristã.
Perante Deus, não são apóstatas nem pecadores.
Portanto, não nos coloquemos na qualidade de julgadores em um lugar que não é nosso.
Além do que, a ninguém é dado o direito ou prerrogativa se ser policial, promotor e juiz ao mesmo tempo. Se o fizermos, estaremos sujeitos nós mesmos a pecar.
Concordo que não são apóstatas nem pecadores, mas, perdoe-me o Irmão Sergio por contestá-lo em outra parte: continuo pensando que não podemos julgar pessoas, corações; mas podemos julgar atitudes, sim.

Que DEUS nos abençoe a todos, certos ou errados em nossas atitudes, e nos ilumine pelo ESPÍRITO, e nos dê forças espirituais para voltarmos atrás, quando cometermos atitudes erradas.

Luiz Flavio.

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens : 551
Data de inscrição : 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Sergio Teixeira em Qua Set 14, 2011 8:59 am

Aceito de bom grado as ponderações do irmão Luiz Flavio.

Contudo, acho bom deixar bem frisado que julgar consiste em examinar atentamente todas as peças de um processo, ouvir ambas as partes e, face a uma lei maior, dar um veredito (ou simplesmente formar uma opinião).

Tal julgamento não será justo se negligenciarmos qualquer uma dessas partes, ou se formos nós mesmos simultaneamente "os denunciantes", "a polícia", "a promotoria" e "a magistratura".

Nossa lei maior é a do Amor de Deus e sobretudo do Amor a Deus.

Particularmente sou totalmente contrário a qualquer tipo de dissidência em uma sociedade e muito principalmente em um igreja (pior ainda na CCB).
Portanto acho que é de nossa máxima competência individual fazer de tudo para que ninguém venha a sentir-se minimizado ou ofendido, a fraquejar, a perder a Armadura, a parar na Graça, a perder a Fé, a desentender-se ou dissidir do grupo.

E quando digo "nossa", não posso excluir o Ministério, pois todos os seus membros fazem parte do mesmo rebanho que nós e, da mesma forma que nós, são meras ovelhas e não "o Pastor".
O "privilégio" que o Ministério tem é rigorosamente igual ao nosso. O galardão também.
E da mesma forma que os "irmãos de banco" também tem direitos, deveres e prerrogativas.
Porém o preço que paga espiritualmente é mais alto.
Portanto carece de nossas contínuas orações e de nosso apoio em tudo que esteja de acordo com a verdadeira lei de Deus.
Ao mesmo tempo, carecemos nós de sua abençoada participação para nos ajudar a melhor entender as coisas dos céus.
Por esta razão principalmente nos reunimos ao seu redor.

Quando entrei nessa Graça, o Senhor intimamente me fez "o cachorro do rebanho".
Na prática, quando as ovelhas estão juntas, o cachorro não se manifesta.
Mas se alguma delas se desgarrar, ele corre e a cerca, para trazê-la de volta ao rebanho.
E se for necessário, ele também morde, contanto que a ovelha não se perca.
Cumprida a missão, o cachorro vai se deitar aos pés do Pastor.

Uma analogia:

Como sabemos, em todo rebanho há um macho dominante que ataca a tudo e a todos no momento em que pressente que seu mandato esteja sendo ameaçado.
Ele só não ataca o Pastor porque desde pequenino andava nos braços deste, conheceu a Sua Voz e o Seu Cheiro, e Nele tem confiança.
Portanto o Pastor tem natural ascendência sobre todo o rebanho, mesmo sobre o tal macho dominante.

De uns tempos para cá tem havido vários candidatos a pretensos "machos dominantes" no meio do rebanho, e alguns já pretendem até mesmo desconhecer solenemente a voz do Pastor.

E já se pratica uma espécie perversa de "bullying espiritual" em nosso meio.

É tempo de acabarmos com isso enquanto temos oportunidade.
De nada adianta combatermos as falhas alheias se não combatermos primeiramente as nossas.
Que cada um tenha mais responsabilidade com o que faz na Obra de Deus e que expulse primeiramente os seus próprios demônios em vez de apontá-los em seus demais irmãos na Fé.

Será que lemos e não aprendemos, ou que usamos da teoria do "faça o que eu digo mas não faça o que eu faço"?
É mister que encontremos as razões de nossas falhas, e não que fiquemos procurando "culpáveis", ou seja, alguém para levar a culpa de nossa própria negligência ou de nossa própria vaidade.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Luiz Flavio N. Facci em Qua Set 14, 2011 9:57 am

A Paz de DEUS esteja em nossos corações.
Sergio Teixeira escreveu:Post anterior
Ao Irmão o que é do Irmão! Não tem jeito. Não quero falar, para
não dar a impressão de bajulação, de estar querendo encher a sua bola,
mas tenho de falar, a bem da franqueza e como um desabafo.
Você tem tudo com muita clareza, com muita lucidez, com muita imparcialidade.
Eu fico até com vergonha dos posts que coloco aqui.
Peço a DEUS que o continue abençoando assim.

Entendi tudo, aprendi muito e concordo em tudo que você escreveu.
Que DEUS abençoe a todos nós, em nome de nosso SENHOR JESUS.

Luiz Flavio.

Luiz Flavio N. Facci

Mensagens : 551
Data de inscrição : 12/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  izaias em Qua Set 14, 2011 10:06 am

Os Falsos mestres.

Mateus 24 (11) - E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos.

Ao advertir os discípulos contra falsos sinais, Jesus delineia as condições prevalecentes da era atual ato o final e declara a continuidade da tarefa deles. Haverá apostasia religiosa, rebeliões sociais e políticas, calamidades naturais, deslealdade e perseguição, fatos que são precursores do final dos tempos. Em meio às dificuldades, os seguidores do Senhor devem perseverar no anuncio do evangelho.

I Timóteo 4 (1) - MAS o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; (2) - Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência; (3) - Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que DEUS criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles com ações de graças; (4) - Porque toda a criatura de DEUS é boa, e não há nada que rejeitar, sendo recebido com ações de graças. (5) - Porque pela palavra de DEUS e pela oração é santificada.

O Espírito Santo fala aberta e profeticamente, últimos tempos; este termo significa o período de tempo entre a primeira e a segunda vinda de Cristo, ver Atos 2 (17); Hebreus 1 (2) e I João 2 (18).

Apostatarão alguns da fé; eles vão abandonar a religião, a fé que professava, negarão as doutrinas essenciais do Cristianismo.

Espíritos enganadores; os falsos mestres estão ensinando doutrinas inspiradas em Satanás; eles podem até guiar lideres descuidados e desviados, ver João 8 (44) e I João 4 (1~6). Embora eles sejam motivados por espíritos do mal, os falsos mestres fingirão inspiração divina. Ao abandonar a Palavra de DEUS, eles se tornaram insensíveis à verdade espiritual.

Uma pessoa que se afasta da verdadeira fé fica propensa a todo tipo de armadilhas usadas como pretexto para tornar as pessoas mais espirituais, como um falso ascetismo, um conjunto de exercícios (oração, meditação etc.) que visam ao aperfeiçoamento espiritual.

Toda criatura que DEUS fez para a saúde e alimentação do homem é boa para aquela finalidade e deve ser recebida com ações de graças. Nosso consumo de alimento deve ser precedido pela palavra de DEUS e pela oração, pois acreditamos que o Senhor as santificará e as abençoará.

II Pedro 2 (1) - E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.

Heresias, haireseis; comparar com “heresia” e “herético”, de haireomai, “escolher”.

A palavra denotava fazer uma escolha ou ter uma opção. Depois evoluiu para ter uma preferência devido a uma opinião ou sentimento, e passou facilmente para um sentimento de desunião, escolher lados, ter diversidade de crença, criar dissensão e substituir a submissão à verdade por opiniões rebeldes. O uso principal no NT é o sentido de seitas, pessoas proferindo opiniões independentes da verdade.

II Pedro 2 (2) - E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade, (3) – e, por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.

Pedro adverte contra os falsos profetas, que usarão as pessoas como forma de atingir suas próprias metas egoístas. O NT indica que os mestres enganosos caracterizarão a era da igreja e que suas atividades aumentarão “nos últimos tempos”. I Timóteo 4 (1).
avatar
izaias

Mensagens : 165
Data de inscrição : 12/05/2011
Idade : 66
Localização : Capital - São Paulo - SP

Ver perfil do usuário http://izanor@ig.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

IGREJAS SIMILARES À CCB

Mensagem  Jeter em Dom Set 18, 2011 12:27 pm

Saudações!

Nós precisamos de uma vez por todas, desmistificar essa idéia de que a CCB é o caminho que leva ao céus. A Bíblia já diz que Jesus é o caminho, fora disso, tudo é mentira. Não há mais espaço para esta visão arcaica. O objetivo de Deus é enaltecer e estabelecer o Seu reino, e não edificar as denominações, que são frutos das idéias do homem. Todas as denominações surgiram a partir de sonhos inovadores de seus respectivos fundadores, e proliferaram no Brasil devido o fértil campo cultural e diversificado que aqui existe. É o país que mais tem igrejas evangélicas no mundo. A vontade soberana de Deus é que os Seus filhos tivessem coerência e comunhão para que a igreja (espiritual) fosse mais operante. Todos os fundadores justificam que tiveram uma revelação pra iniciar os seus trabalhos. Será que Deus revelou pra cada um deles formas diferentes do evangelho? Chegamos a conclusão que tudo isto é coisa do homem mesmo. A própria irmandade da CCB não sabe, ou melhor, a maioria, que o seu fundador não chegou a ser membro efetivo da CCB, aliás, ele nem se batizou na igreja. Onde foi que se criou esta idéia de exclusivismo? Provavelmente é fruto da reforma protestante da linha calvinista. A única revelação verdadeira que podemos confiar, é a mensagem da cruz, é o Filho de Deus revelado a nós, para a nossa salvação. Precisamos sim ter uma igreja organizada pra desenvolver a nossa fé e o sentimento religioso, mas isto deve ser algo totalmente secundário. O que deve ser primazia em nossa vida é o resgate de almas perdidas que ainda não conhece esse caminho único, Jesus.

Jeter

Jeter

Mensagens : 3
Data de inscrição : 01/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  THEODORO em Dom Set 18, 2011 3:47 pm

Jeter escreveu:Saudações!

Nós precisamos de uma vez por todas, desmistificar essa idéia de que a CCB é o caminho que leva ao céus. A Bíblia já diz que Jesus é o caminho, fora disso, tudo é mentira. Não há mais espaço para esta visão arcaica. O objetivo de Deus é enaltecer e estabelecer o Seu reino, e não edificar as denominações, que são frutos das idéias do homem. Todas as denominações surgiram a partir de sonhos inovadores de seus respectivos fundadores, e proliferaram no Brasil devido o fértil campo cultural e diversificado que aqui existe. É o país que mais tem igrejas evangélicas no mundo. A vontade soberana de Deus é que os Seus filhos tivessem coerência e comunhão para que a igreja (espiritual) fosse mais operante. Todos os fundadores justificam que tiveram uma revelação pra iniciar os seus trabalhos. Será que Deus revelou pra cada um deles formas diferentes do evangelho? Chegamos a conclusão que tudo isto é coisa do homem mesmo. A própria irmandade da CCB não sabe, ou melhor, a maioria, que o seu fundador não chegou a ser membro efetivo da CCB, aliás, ele nem se batizou na igreja. Onde foi que se criou esta idéia de exclusivismo? Provavelmente é fruto da reforma protestante da linha calvinista. A única revelação verdadeira que podemos confiar, é a mensagem da cruz, é o Filho de Deus revelado a nós, para a nossa salvação. Precisamos sim ter uma igreja organizada pra desenvolver a nossa fé e o sentimento religioso, mas isto deve ser algo totalmente secundário. O que deve ser primazia em nossa vida é o resgate de almas perdidas que ainda não conhece esse caminho único, Jesus.

Jeter

Caro irmão,

Concordo com voce. Mas, esse sentimento exclusivista a cada dia tem tomado mais folego, em minha regiào é comum o ministério em cultos continuar menosprezando as demais denominações evangélicas deixando claro ao povo que só nós somos detentores da salvaçào e o pior é que a maioria da irmandade acredita e se nos posicionamos contra isso, somos mal vistos. Um dia questionei isso com meu cooperador e ele me disse que só cria dessa forma e que nào poderia crer de forma diferente, pois, senão perderia suas forças, pois, tinha aprendido assim desde criança. E me disse aquela frase manjada, "Ëxiste um só povo, um só batismo....." , e reafirmou que esse povo é o da CCB.

THEODORO

Mensagens : 64
Data de inscrição : 23/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  TheuWinch em Dom Set 18, 2011 9:04 pm

Infelizmente existe essa "Ignorância" no nosso meio... Pergunta pro seu Cooperador se a Salvação só veio ao mundo em 1910
avatar
TheuWinch

Mensagens : 120
Data de inscrição : 26/06/2011
Idade : 22
Localização : Ilhéus- Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Sergio Teixeira em Dom Set 18, 2011 11:02 pm

Muito embora vejamos alguns cooperadores sugerindo que "a Graça tenha começado em 1910" (jamais com essas mesmas palavras, apenas sugerindo de outras maneiras), temos a certeza de que isso não lhes é ensinado oficialmente pelos irmãos anciães.
Há um entendimento defeituoso nisso.
É quase isso, mas não é exatamente isso.

Cada um de nós individualmente pode aceitar isso como sendo uma verdade em si, já que aceitamos a doutrina da CCB como verdadeira.
A doutrina da CCB, como sabemos, é baseada na Apostólica, portanto tal doutrina existe há praticamente 2000 anos. Essa é que é a Graça.

Por uma feliz coincidência, essa doutrina chegou até nós em seu pleno vigor, no ano de 1910 através da obra de Deus através de seu humilde servo Louis Francescon.
Mas a doutrina que ele trouxe, era novidade apenas para nós (que até então a desconhecíamos), pois já existia há muitos séculos.

Então, tendo entendido esse ponto, o que realmente precisamos é fazer nossas afirmações com a necessária cautela para não dar a entender que a Graça é a Congregação e não a Doutrina milenar do Senhor Jesus o Cristo.

No entanto, estando a Congregação debaixo da doutrina em 100%, ela também é a Graça de Deus, ou seja, é una com a Graça.
Para nós debatedores, talvez seja um pouco mais fácil entender isso, mas para o povo de uma forma geral, poderá ser um alimento sólido demais, servido fora de hora.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  TheuWinch em Seg Set 19, 2011 11:09 am

Esse ano eu estava num insaio regional, quando o encarregado disse: "Irmãos, a Graça completou 100 anos ano passado"
Eu não me controlei e comecei a rir.
avatar
TheuWinch

Mensagens : 120
Data de inscrição : 26/06/2011
Idade : 22
Localização : Ilhéus- Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Sergio Teixeira em Seg Set 19, 2011 11:32 am

È, talvez falte um pouco mais de pulso do Ministério no sentido de coibir certas afirmações ingênuas que surgem daqui e dali.

Em nosso meio, a gente aceita uma boa dose de ingenuidade, quando autêntica.
Porém, quando essa mesma manifestação de ingenuidade passa para o público em geral, pode vir a soar como "mau testemunho" e até como "blasfêmia" contra as igrejas evengélicas e contra o próprio Cristianismo.
E estejamos certos de que nosso inimigo comum tentará por todos os meios se aproveitar da situação.

Sentir que a Congregação faz parte da Graça é natural em todos nós, e temos enraizado tal conceito em nossos corações, o qual chegou até nós com grande alegria de alma.
Porém a CCB não é A GRAÇA em si, em sua totalidade.
Então tem de haver uma certa escolha de palavras.

Tem um caso antigo, em que um certo encarregado de orquestra afirmou em uma entrevista (lá com suas palavras, que não me lembro exatamente) que "a música da CCB é boa", ao mesmo tempo em que a música clássica seria "coisa demoníaca".
Acho que ele não aprendeu assim, apenas tirou conclusões erradas, e não examinou as Escrituras.
Portanto, extrapolou a dose de ingenuidade a que teria direito. E com as pessoas erradas.
E se alguém lhe ensinou assim, está ensinando errado.

Por aqui circula há muitos anos e "à boca miúda" uma filosofia famosíssima, que diz respeito ao suposto uso obrigatório de bigodes por parte dos varões.
Tal filosofia evidentemente não provém do Ministério.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: IGREJAS SEMELHANTES Á CCB.

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum