Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Jovem Musico em Qua Ago 24, 2011 8:05 am

Me corrijam se eu estiver errado!

De modo geral as igrejas seguem a bíblia usando referencias em velho e novo testamento, algumas pregam mais salmos, outras "os 4 evangélicos", outras as cartas dos apóstolos, outras as histórias antigas do velho testamento. Devido este fator elas são classificados em:
- Mosaicas: Antigas histórias do velho testamento. Usam como regra fundamental os 10 mandamentos.
- Evangélicas: Os 4 evangélicos. Usam como base fundamental as passagens de Jesus e suas parábolas.
- Apostólicas: As cartas escritas pelos apóstolos. Usam como base suas regras doutrinas e ordenanças.

É obvio que as igrejas de modo geral seguem um pouco de cada também, mas devido sua doutrina pender mais para um lado então faz com que ela se classifique em uma destas posições.

Primeira pergunta:
O que é e como se classifica uma igreja pentecostal ?
Sendo que, "pentecostes" era uma festa agrícola que ocorria nas 5 semanas após a páscoa.

Segunda pergunta
Vocês concordam ou discordam em dizer que a católica é apostólica ?
Na minha opinião a "congregação cristã" seria mais classificada como apostólica do que evangélica. Aliás para mim ela é mais apostólica do que a católica devido alguns pontos que enumerei abaixo:

- Uso do véu. (I Corintios 11)
- Acredita-se que existem pecados que são para a morte, ou pecados mortais. (I João 5:16-17; Tiago 1:15)
- Abster-se da fornicação, carne sufocada, e prostituição. (Atos 15:29; I Corintios 5; Apocalipse 21:Cool
- Não pode divorciar por qualquer motivo. (Mateus 19:7; I Corintios 7)
- Não temos dízimos, mas coletas. (I Corintios 16:2)
- Saudação com ósculo santo. (I Pedro 5:14; Tessanolicenses 5:26)
- O ministério não é remunerado. (I Pedro 5:1)

Existem muito mais ligações entre as cartas dos apóstolos e a doutrina da congregação, mas não vejo ligações assim com a católica.

O que vocês acham ?

Jovem Musico

Mensagens : 90
Data de inscrição : 26/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Sergio Teixeira em Qua Ago 24, 2011 10:41 am

De modo geral as igrejas seguem a bíblia usando referencias em velho e novo testamento, algumas pregam mais salmos, outras "os 4 evangélicos", outras as cartas dos apóstolos, outras as histórias antigas do velho testamento. Devido este fator elas são classificados em:
- Mosaicas: Antigas histórias do velho testamento. Usam como regra fundamental os 10 mandamentos.
- Evangélicas: Os 4 evangélicos. Usam como base fundamental as passagens de Jesus e suas parábolas.
- Apostólicas: As cartas escritas pelos apóstolos. Usam como base suas regras doutrinas e ordenanças.

É obvio que as igrejas de modo geral seguem um pouco de cada também, mas devido sua doutrina pender mais para um lado então faz com que ela se classifique em uma destas posições.
Colocar rótulos nas igrejas é um mero costume humano.
Por sinal, uma igreja "mosaica" nada teria a ver com o "cristianismo".
As igrejas ditas "evangélicas" usam o Novo Testamento porém também o Velho Testamento, dando vida a ordenanças que não mais existem para nós.
As "apostólicas" na verdade se baseiam quase que exclusivamente na doutrina do apóstolo Paulo.
Com isso estou afirmando que todas as religiões pretendem seguir a Deus, porém cada uma tem um conjunto de peças filosóficas próprio, que dá a cada uma um "sabor" diferenciado.
E cada uma segue um ou mais ramos teológicos.
A Teologia, por sua vez, é a ciência humana que pretende estudar a Deus, porém que amiudemente se mete em filosofias humanas e pretende colocar Deus em uma espécie de microscópio, porém já pintando antecipadamente os resultados que pretende alcançar.
Primeira pergunta:
O que é e como se classifica uma igreja pentecostal ?
Sendo que, "pentecostes" era uma festa agrícola que ocorria nas 5 semanas após a páscoa.
"Igreja pentecostal", apesar de todas as demais definições que esse termo possa ter, na prática ficou sendo "qualquer igreja evangélica não-tradicional"* antes de surgirem as neopentecostais.
Parece confuso, mas a coisa tende para a confusão mesmo.
Na verdade esse termo seria usado em relação às igrejas que acreditam e praticam a manifestação dos dons de Deus, muito especialmente aquilo que se chama de "glossolalia", e que é muito confundido com o dom de linguas manifesto na noite do Pentecostes.
A diferença está em que na tal "glossolalia" as pessoas falariam em linguas estranhas, supostamente não-faladas na face da terra.
Porém o dom de linguas manifesto no Pentecostes reside em alguém falar em sua própria lingua e ser entendido em outras que desconhece.
Como se pregássemos a Palavra em Português do Brasil e fôssemos perfeitamente entendidos por chineses, japoneses, alemães, suecos, etc. como se estivéssemos falando suas linguas de origem.
Segunda pergunta
Vocês concordam ou discordam em dizer que a católica é apostólica ?
Na minha opinião a "congregação cristã" seria mais classificada como apostólica do que evangélica. Aliás para mim ela é mais apostólica do que a católica devido alguns pontos que enumerei abaixo:

- Uso do véu. (I Corintios 11)
- Acredita-se que existem pecados que são para a morte, ou pecados mortais. (I João 5:16-17; Tiago 1:15)
- Abster-se da fornicação, carne sufocada, e prostituição. (Atos 15:29; I Corintios 5; Apocalipse 21:Cool
- Não pode divorciar por qualquer motivo. (Mateus 19:7; I Corintios 7)
- Não temos dízimos, mas coletas. (I Corintios 16:2)
- Saudação com ósculo santo. (I Pedro 5:14; Tessanolicenses 5:26)
- O ministério não é remunerado. (I Pedro 5:1)
Falando francamente, e sem querer em nada desmerecer a igreja católica, ela é na realidade um "mix" de tudo o que se entendia como sendo "religião".
É um "caldo" cujos "ingredientes" são os cultos, as doutrinas e os costumes de todos os povos dominados pelo império romano à época do imperador Constantino.
Aquele imperador resolveu através do sincretismo religioso algumas pendências políticas e de ordem social causadas pelas múltiplas divergências religiosas, e com isso (e indiretamente para nosso benefício), acabou também com as perseguições aos cristãos primitivos (de outra forma não seríamos nem judeus nem cristãos hoje em dia, pois nem o evangelho e nem a Torah teriam chegado até nós).
Se houve com isso algum "mal", foi na realidade um mal necessário.
Roma então tomou para si as rédeas de todos os cultos religiosos como se fossem uma coisa só,
adotando a pompa sacerdotal dos cultuadores de Júpiter, dando a Maria várias identidades e comparando-a diretamente com diversas divindades estrangeiras como por exemplo Isis e Diana.
Dos judeus adotou principalmente o dízimo e o Sabbath, todavia mudando-o para o "domenicus" (domingo), por ser o dia consagrado a Júpiter.
Existem muito mais ligações entre as cartas dos apóstolos e a doutrina da congregação, mas não vejo ligações assim com a católica.

O que vocês acham ?
Exatamente pela forma como foi construída a igreja católica. No "catolicismo-básico" a preocupação do clero não era evidentemente a de "salvação de almas", mas a de manter o Império Romano unido.
Se houve algum sentimento de santificação, isso veio depois, de foro íntimo de cada um dos novos adeptos do catolicismo.
Outra coisa que para nós é interessante observar: Enquanto nas demais igrejas evangélicas praticamente se despreza a figura de Maria, todavia na Congregação damos a ela o lugar que ela realmente merece, que é o de uma Santa de Deus, fiel, obediente e destemida.
Porém jamais o de uma "deusa" ou "mãe de Deus" ou de alguém que tenha ascendência ou privilégios sobre a Divindade em si.
---------------------------------
* Podem ser consideradas "Igrejas tradicionais" a Luterana, a Calvinista, a Metodista, a Batista e a Presbiteriana, fora é claro as suas posteriores ramificações.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Jovem Musico em Qui Ago 25, 2011 8:04 am

Ok Ségio, entendi agora o porque da palavra pentecostal, não é baseado no significado sobre a festa de pentecostes mas, pelo acontecimento em Atos 2 que foi a descida do espirito santo e evidência de novas línguas e este dia era dia de pentecostes.

"E, CUMPRINDO-SE o dia de Pentecostes, estavam todos concordemente no mesmo lugar; "
Também entendi sobre o que você escreveu a respeito da católica.

Mais uma pergunta

No meu ver a congregação é mais apostólica do que evangélica. Não estou dizendo que ela não seja evangélica, pois ela também é evangélica, mas as outras igrejas evangélicas de um modo geral não tem uma doutrina bem definida como as da congregação devido o fato que nos 4 evangélicos também não foram colocados muitas regras.

Para mim a a época que Jesus esteve na terra o povo de modo geral estava perdido e sem salvação. Jesus veio para dar a salvação ao mundo e deu grandes ensinamentos sobre o perdão, a humildade, os milagres, o caminho, a verdade e a vida. Como suas palavras eram novas e não fazia muito sentido a imposição de doutrinas pesadas pois assustaria o povo que estava recebendo algo novo. Mesmo assim ele ensinou algumas doutrinas como o batismo e a santa ceia.

Eu percebo que as outras igrejas evangélicas direcionam sua doutrina a estes pontos também. Tenho um tio que é pastor, e conversar com ele é muito legal pois suas palavras são sempre bonitas e sempre mansas. Isto é bom, mas também é ruim, pois faz com que o povo entenda que não importa o que aconteça sempre haverá um perdão, nunca se tem um castigo ou uma conseqüência.

Acredito que nunca vou ver este meu tio pregar "I João 5:16-17" que diz :

"
16 Se alguém vir pecar seu irmão, pecado que não é para morte, orará, e Deus dará a vida àqueles que não pecarem para morte. Há pecado para morte, e por esse não digo que ore.
17 Toda a iniqüidade é pecado, e há pecado que não é para morte.
"


Se o trecho diz que "há pecado que não é para morte" então seguindo a lógica existe pecados que "são para a morte" porque do contrário deveria estar generalizado que "todas" as iniquidades "não são para a morte". Perceba que neste trecho tem uma conseqüência que diz "e por esse não digo que ore". Tipo, não é proibido orar, apenas quer dizer que não precisa orar mais.

O jeito de meu tio pregar é bonito, mas faz com que o povo sempre receba "comida leve" e sempre com tempero bom. No meu ver ensinam a bíblia de forma incompleta. É exatamente por isto que as outras igrejas são mais fáceis de seguir.

Em Mateus 7 diz:

"13 Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela;
14 E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. "


Bom acima escrevi na ótica bíblica, mas na minha opinião eu até prefiro que existam outras igrejas com doutrinas mais leves pois os que não conseguem seguir a congregação pelo menos seguem outras e não vão para o mundo das drogas, crime, prostituição e bebedeiras. No meu bairro por exemplo melhorou muito depois que um pessoal bem barra pesada começo a frequentas a igreja do meu tio. Dei graças a Deus quando isto aconteceu e houve-se paz no bairro.

Jovem Musico

Mensagens : 90
Data de inscrição : 26/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Sergio Teixeira em Qui Ago 25, 2011 12:29 pm

No meu ver a congregação é mais apostólica do que evangélica. Não estou dizendo que ela não seja evangélica, pois ela também é evangélica, mas as outras igrejas evangélicas de um modo geral não tem uma doutrina bem definida como as da congregação devido o fato que nos 4 evangélicos também não foram colocados muitas regras.

Para mim a a época que Jesus esteve na terra o povo de modo geral estava perdido e sem salvação. Jesus veio para dar a salvação ao mundo e deu grandes ensinamentos sobre o perdão, a humildade, os milagres, o caminho, a verdade e a vida. Como suas palavras eram novas e não fazia muito sentido a imposição de doutrinas pesadas pois assustaria o povo que estava recebendo algo novo. Mesmo assim ele ensinou algumas doutrinas como o batismo e a santa ceia.
Se colocarmos isso na balança, realmente a CCB é um pouco mais "apostólica" que "evangélica" e eu me arriscaria a dizer que ela não tem aquele jeitão de "igreja protestante", pois em vez de simplesmente contradizer frontalmente o catolicismo (como é comum entre as igrejas evangélicas de uma forma geral), na CCB buscou-se de alguma forma - talvez não intencional - resgatar o máximo possível do cristianismo primitivo.
Mas a doutrina de Jesus não era tão leve assim para aquele povo, e muitos a acharam "dura demais".
Consideremos que é muito mais fácil seguir um número finito de "ordenanças catalogadas" de alguma forma, do que agir com santificação mediante a conformidade dos eventos aleatórios que nos surgem a cada instante.
Essa diferença de doutrina fez com que ela fosse recusada por muitos.
Mas ele jamais contemporizou com o pecado embora tivesse grande aproximação com as pessoas, pecadoras ou não.
Ele conversava com mulheres, estrangeiros, e perdoava os pecados daqueles que buscassem tal perdão, mesmo que isso tivesse de ser feito durante o Sabbath, e mesmo que os costumes daquela época proibissem um judeu de fazê-lo.
Nenhum outro religioso judeu ou não, agia dessa forma.

Eu percebo que as outras igrejas evangélicas direcionam sua doutrina a estes pontos também. Tenho um tio que é pastor, e conversar com ele é muito legal pois suas palavras são sempre bonitas e sempre mansas. Isto é bom, mas também é ruim, pois faz com que o povo entenda que não importa o que aconteça sempre haverá um perdão, nunca se tem um castigo ou uma conseqüência.
Há um dito popular que assegura que "moscas se pegam com mel, e não com vinagre".
O que significa que se desejarmos atrair alguém, deve ser através de uma forma agradável, e jamais com quatro pedras nas mãos.
O Senhor Jesus sempre condenou o pecado porém sua recomendação expressa é de que o Evangelho das Boas Novas fosse levado a toda criatura.
E o que ele mandou anunciar é que "é chegado o Reino dos Céus", significando com isso que o céu está agora mais acessível para todos nós, pelo poder e pela misericórdia do Pai.
No entanto, muitos pregam em lugar disso, apenas "o final dos tempos" e "o castigo dos ímpios e pecadores nas profundezas do inferno".
Ora, tais coisas certamente irão suceder, porém a mensagem principal não é essa.

Acredito que nunca vou ver este meu tio pregar "I João 5:16-17" que diz :

"
16 Se alguém vir pecar seu irmão, pecado que não é para morte, orará, e Deus dará a vida àqueles que não pecarem para morte. Há pecado para morte, e por esse não digo que ore.
17 Toda a iniqüidade é pecado, e há pecado que não é para morte.
"

Se o trecho diz que "há pecado que não é para morte" então seguindo a lógica existe pecados que "são para a morte" porque do contrário deveria estar generalizado que "todas" as iniquidades "não são para a morte". Perceba que neste trecho tem uma conseqüência que diz "e por esse não digo que ore". Tipo, não é proibido orar, apenas quer dizer que não precisa orar mais.

O jeito de meu tio pregar é bonito, mas faz com que o povo sempre receba "comida leve" e sempre com tempero bom. No meu ver ensinam a bíblia de forma incompleta. É exatamente por isto que as outras igrejas são mais fáceis de seguir.
Até mesmo nossos seminários nos ensinam hoje em dia a omitir parte da verdade, preferindo ensinar-nos "como encher as igrejas", "como cobrar o dízimo", etc.
Portanto, os evangelistas, pastores, teólogos, etc. que fazem tais cursos, vão-se acostumando gradativamente com esse tipo de pregação, e em seu íntimo a consideram como certa.
A CCB é uma exceção, pois para nós a doutrina é pregada todos os dias, mas nas igrejas onde a doutrina tem dia predeterminado para ser pregada, a frequência da membresia é notavelmente menor.
E se formos realmente agradar ao povo e não a Deus, iremos apregoar "bênção", "salvação", "cura divina", "milagres" e "prosperidade" - pois é isso que interessa às multidões - e não doutrina.
A multidão aprovava e aclamava entusiasticamente quando o Mestre fazia algum milagre, alguma cura, porém reclamava da doutrina "dura demais".
Em Mateus 7 diz:

"13 Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela;
14 E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. "
"Quem gosta de moleza que tome sopa de minhoca". Cristianismo é na verdade ação e muito trabalho, e muito certamente com bastante dificuldade adicional.
Bom acima escrevi na ótica bíblica, mas na minha opinião eu até prefiro que existam outras igrejas com doutrinas mais leves pois os que não conseguem seguir a congregação pelo menos seguem outras e não vão para o mundo das drogas, crime, prostituição e bebedeiras. No meu bairro por exemplo melhorou muito depois que um pessoal bem barra pesada começo a frequentas a igreja do meu tio. Dei graças a Deus quando isto aconteceu e houve-se paz no bairro.
Eu também entendo que tais caminhos "mais leves" sejam necessários à Obra de Deus, pois Ele conhece até onde vai nossa fraqueza e a nossa fortaleza.
Cada um de nós tem a sua porção diferenciada, e a cada um é dado um certo número de talentos, de acordo com a nossa capacidade e a nossa disposição para obedecer com fidelidade.


avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Irmão CCB em Qui Ago 25, 2011 3:42 pm

Jovem Musico escreveu:
Primeira pergunta:
O que é e como se classifica uma igreja pentecostal ?
Sendo que, "pentecostes" era uma festa agrícola que ocorria nas 5 semanas após a páscoa.

Concordo com o irmão jovem musico, segue o que eu penso:
A Congregação Cristã no Brasil, nada tem haver com o pentecoste, o pentecoste é uma festa judaica realizada 40 dias após a pascóa, os discipulos receberam o dom em um dia de pentecoste, mas o pentecoste não tem nada de Cristianismo.
Muitos dizem, que tal e tal igreja, nasceu no dia de pentecoste, mas a igreja de DEUS, nasceu no calvario, no dia em que Jesus morreu por nós.
A Congregação é uma igreja Cristã e nada tem de pentecostal.

Jovem Musico escreveu:
Segunda pergunta
Vocês concordam ou discordam em dizer que a católica é apostólica ?
Na minha opinião a "congregação cristã" seria mais classificada como apostólica do que evangélica. Aliás para mim ela é mais apostólica do que a católica devido alguns pontos que enumerei abaixo:

- Uso do véu. (I Corintios 11)
- Acredita-se que existem pecados que são para a morte, ou pecados mortais. (I João 5:16-17; Tiago 1:15)
- Abster-se da fornicação, carne sufocada, e prostituição. (Atos 15:29; I Corintios 5; Apocalipse 21:Cool
- Não pode divorciar por qualquer motivo. (Mateus 19:7; I Corintios 7)
- Não temos dízimos, mas coletas. (I Corintios 16:2)
- Saudação com ósculo santo. (I Pedro 5:14; Tessanolicenses 5:26)
- O ministério não é remunerado. (I Pedro 5:1)

Existem muito mais ligações entre as cartas dos apóstolos e a doutrina da congregação, mas não vejo ligações assim com a católica.

O que vocês acham ?

Sim irmão musico, em relação a Congregação, é muito mais Apostolica devido sua doutrina, eu na verdade gosto mais de ler as cartas dos Apostolos.
A igreja catolica romana, eu acho que não é nem apostolica e nem Cristã e sim Levitica, as suas cerimonias e costumes e muito parecidas com a dos Sacerdotes levitas como:

* a mitra sobre a cabeça.
* as roupas com dizeres santissimo e foradas de ouro.
* os incensos, lampadas para purificação do povo.
* os unicos capaz de intercederem pelo povo.
* o dizimo para seu sustento.
* o sumo-sacerdote . ( Papá )
* o batismo que mais parece uma circuncisão, pelo fato de o serviço ser feito com recem nascidos.
e muitas outras coisas.

O sacerdote também era o segundo poder no reinado judeu, o que muitas vezes acontencem em determinadas regiões com os sacerdotes Catolicos Romanos.
A Congregação Cristã no Brasil, é atualmente a igreja que mais se aproxima da igreja em sua origem, Apostolica Cristã.
avatar
Irmão CCB

Mensagens : 123
Data de inscrição : 14/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  "Ekklésia Christiana" em Qui Ago 25, 2011 6:18 pm


Saudações cristãs,

Irmão "Agra", prezado...





Oxalá o Catolicismo Romano (ou "Igreja Constantiniana") trouxesse em seu bojo concepções ou traços de origem semítico-judáica... "Hallelujah"* ! bradaríamos nós...


Inversamente, porém, atua como o receptáculo e depositário de toda a extensa epopéia pagã, desde os seus alvores... Pérsia, Egito, Grécia, Roma...


A missa, em particular, resgata simbolismos e ritos cujas concretas raízes remetem-nos à Ísis, Osiris e Hórus... seu presidente (ou celebrante) traja-se segundo a idumentária comum aos basileus helênicos...


Não nos restam dúvidas... "Babilônia" é seu nome...


___________________________________
* Do hebraico translit.: "Exaltai a Jah!"






Atenciosamente,

"Em Caridade"

Irmão Ednelson

"Ekklésia Christiana"

Mensagens : 497
Data de inscrição : 18/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Irmão CCB em Qui Ago 25, 2011 9:55 pm

Sim irmão Ekklésia, também concordo, a igreja Romana e seu paganismo introduzido principalmente nos tempo de Contantino, mas de todos as comparações Bíblicas colocada pelo irmão Jovem musico, eu acrescentei o modelo levitico que é o que eles mais se assemelham.
avatar
Irmão CCB

Mensagens : 123
Data de inscrição : 14/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  "Ekklésia Christiana" em Qui Ago 25, 2011 11:04 pm


Saudações cristãs,

Irmão "Agra"...





Uma curiosidade apenas...

O irmão é de origem católica romana?




Atenciosamente,

"Em Caridade"

Irmão Ednelson

"Ekklésia Christiana"

Mensagens : 497
Data de inscrição : 18/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Irmão CCB em Sex Ago 26, 2011 12:00 am

Não querido irmão Ekklésia, nunca estive em outra igreja se não a Congregação Crsitã no Brasil, de minha familia, eu sou a 5ª geração, alguns destes primitivos, for am batizados pelo irmão, Pedroso, o primeiro ancião do Brasil, primeiro DEUS chamou minha tataravó, depois meus bisavós, depois meus avós que ainda são vivos, minha mãe e meu pai, eu e minha esposa e agora vem o meu filho que fez cinco anos agora dia 20 de agosto, já posso contemplar nele as virtudes de um cristão, quando vamos orar em casa, ele se apresenta sem a necessidade de chama-lo, na mesa da sala, onde fica o telefone, ele encosta o hinario no telefone e faz disto como se fosse a tribuna e até me pergunta se eu tenho a Palavra, e se minha esposa tem alguma coisa, e isto eu nunca ensinei para ele, mas ele presta muita etenção nos culto e assim vai aprendendo.
Me desculpe por alongar tanto, eu poderia dar uma resposta mais pratica e objetiva, mas enfim, como diz o cântico de nosso hinario 441, nasci no seu rebanho por graça divinal.
avatar
Irmão CCB

Mensagens : 123
Data de inscrição : 14/05/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Sergio Teixeira em Sex Ago 26, 2011 8:39 am

Apenas como curiosidade e ilustração:

A igreja fundada por Constantino não somente captou a influência de todos os cultos religiosos ao seu redor, como também influenciou posteriormente a muitos outros.

No Vudu haitiano, por exemplo, não existiam aqueles "bonequinhos", os quais foram visivelmente inspirados pelas imagens dos santos católicos.
avatar
Sergio Teixeira

Mensagens : 1144
Data de inscrição : 12/05/2011
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igrejas Mosaicas, Evangélicas, Apostólicas, Pentecostais, qual a diferença ?

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum